domingo, 21 de agosto de 2016

Empresas proibem trabalhadores de comer

Ago/2016

Na Perto, na TDK e em outras empresas metalúrgicas de Gravataí não há intervalo para lanche e é proibido comida no setor, o que obriga os trabalhadores a se esconder para comer, ou para tomar um café que é necessário para aguentar a jornada de trabalho, muitas vezes repetitiva e monótona, o que leva a ter muito sono. Sabemos que esse não é um caso isolado, acontece em varias fábricas de Gravataí.

Em vista de não perder nem um minuto da jornada de trabalho, os patrões não dão nem cinco minutos de intervalo para o café. Os trabalhadores são obrigados a tomar seu café no meio das máquinas, sem parar de trabalhar, ou em lugares insalubres, pois para o patrão cada minuto parado é dinheiro que ele deixa de lucrar. Mas e como fica a saúde dos trabalhadores?
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por contribuir com a sua denúncia.