terça-feira, 22 de março de 2016

GM/Sistemistas: Empresas pagam os menores PPR do Brasil em Gravataí com a ajuda da direção do sindicato

22/03/2016

Neste início de ano vimos as empresas do Complexo Automotivo aumentarem seus lucros às custas de pagar um PPR miserável para os colegas da GM e Sistemistas.

Como conseguiram fazer isso?
Os patrões não conseguiriam isso sem ajuda dos seus lacaios que estão na direção do sindicato.
1º Assinaram um acordo em nosso nome em abril de 2015 que não obrigava GM/Sistemistas a pagar o PPR, e até hoje esse acordo está sendo escondido dos trabalhadores
2º Os dirigentes do sindicato “se fizeram de cegos”. Fingiam que não sabiam de nada e só depois do dinheiro não ser pago (15/Jan) e depois dos colegas pressionarem o sindicato é que começaram a fazer de conta que estavam preocupados
4º Usam a velha artimanha de vendedor para os patrões pagarem uma mixaria de PPR: tanto empresas quanto sindicato vieram com o papo que não ia ter PPR, para em seguida negociar uma mixaria e dizer que foi uma conquista. Sim, foi uma conquista, mas para o patrão!
5º Em nenhum momento os pelegos no sindicato disseram para os trabalhadores que iam negociar PPR com a GM. Os colegas das sistemistas descobriram isso no dia da assembléia (29/Fev) através da rádio-peão. Um desrespeito e total falta de consideração com os trabalhadores das sistemistas!

O que há de novo no que o sindicato faz? Nada!
Quem está a mais tempo no Complexo sabe que não é de hoje que os pelegos no sindicato fazem o jogo da empresa.
Antes o prazo pra chegar no teto salarial na GM era de 2 anos, agora é 10 anos.
O PPR era maior. Graças aos pelegos diminuiu.
A direção do sindicato faz aquele teatrinho de que luta. Mas pelas nossas costas fazem acordos pra tirar nossos direitos e beneficiar as empresas! E ainda escondem esses acordos.

Novo acordo salarial e de PPR
Temos que ficar ligados, pois os pelegos já começaram a negociar com os patrões um novo acordo salarial e de PPR.
A cada acordo que fazem tiram mais direitos nossos, pelas nossas costas, e escondem esses acordos!
Por isso que temos que nos organizar, juntar os colegas mais sérios, honestos e dispostos a lutar por melhores condições de trabalho e melhores salários, e formar uma nova direção para o Sindicato, que não minta para os trabalhadores e não faça acordos pelas costas dos trabalhadores.

Cadê as 40 horas semanais?
E mais uma vez GM e Sistemistas aumentam a jornada de trabalho. Depois as empresas querem falar de “crise”. E os pelegos querem falar que “conquistaram” 40 horas semanais. É uma vergonha!

SINDICATO É PRA ESTAR DO LADO DO PEÃO, NÃO DO PATRÃO!

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

Um comentário:

Obrigado por contribuir com a sua denúncia.