quinta-feira, 13 de agosto de 2015

TDK

12/08/2015

A TDK não sofreu baixas na produção e no ano de 2014 duplicou seus lucros. Na planta de Gravataí, ao mesmo tempo em que diminuem pedidos em uma linha, aumenta a produção em outra. Com um crescimento dos lucros desse tamanho é inaceitável o ultimo PPR que foi de 1600 reais, quando deveria ser 2500. É inaceitável que não exista plano de carreira para auxiliares de produção e operadoras de maquina, que mesmo trabalhando anos na empresa só ganham os aumentos fajutos do dissídio. É inaceitável perder o premio mensal por ficar doente! Trabalhamos de segunda a sábado, adoecemos pelo trabalho repetitivo, produzimos lucros bilionários para a empresa e ganhamos um salário de miséria que não paga nem as contas do mês! Além de tudo, agora estão reduzindo a comida no refeitório, principalmente a carne que tem encolhido de tamanho. Nos super exploram e quando nossas casas são alagadas, como nesses dias com as enchentes, a empresa sequer aceitou os atestados da defesa civil, descontando o dia de trabalho como "falta não justificada". O que não se justifica é como é que uma empresa do tamanho da TDK que está bombando no mundo todo pode pagar mal, retirar direitos, ameaçar demissões para produzirmos mais e até diminuir a comida, enquanto o sindicato pelego assiste tudo sem fazer nada!
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por contribuir com a sua denúncia.